5 dicas de decoração para apartamento pequeno

Os imóveis compactos já se consolidaram como tendências, principalmente nas grandes cidades e áreas centrais. Com metragens que promovem um estilo de vida prático, ficam muito mais charmosos bem mobiliados. Inclusive, a decoração de apartamento pequeno vai além da questão estética, pois é capaz de agregar funcionalidade e conforto.

Confira, abaixo, essas dicas fundamentais!

1. Planeje cuidadosamente a disposição dos móveis

O planejamento joga a favor de quem mora em um compacto, no qual cada centímetro conta. Por isso, antes de comprar a mobília do apartamento novo, vale a pena refletir como ficará a disposição de cada peça no ambiente ao qual se destina.

Por exemplo, no lugar de um sofá enorme, disponha pufes para acomodar as visitas e compor a decoração. Ao invés de mesa fixa, disponha de uma bancada na parede pode cumprir as funções de acomodar as refeições e, em outros momentos, como suporte do notebook.

Fazer esse tipo de substituição assegura mais usabilidade e fluidez às atividades rotineiras.

2. Aposte no uso de espelhos decorativos

A utilização de espelhos desperta a sensação de amplitude, ilumina e confere um visual especial a qualquer parte do imóvel. No entanto, esse resultado depende da consideração de alguns critérios.

Um deles consiste em privilegiar os ambientes de maior circulação, como as áreas de convívio social, o corredor, entre outras possibilidades. Lembre-se, também, de jamais exagerar na quantidade de espelhos e sempre evitar que reflitam a luz de lâmpadas.

Além disso, nunca coloque um espelho na frente do outro, pois eles tendem a provocar sensações de confusão e desconforto ao serem posicionados dessa maneira.

3. Invista em mobília planejada e multiuso

Em metragens reduzidas, a organização é essencial para tirar o melhor proveito de cada espaço. Desse modo, os móveis planejados e multiuso são ótimos aliados de quem precisa valorizar cada metro quadrado.

Fortemente indicada na decoração de apartamento pequeno, tal mobília tem características úteis e funcionais. Nessa linha, estão as camas-armário, estantes com mesa, kits de cozinha embutidos e os painéis de TV com prateleiras.

Feitas na medida, essas mobílias conferem versatilidade e personalização aos ambientes sem comprometer o espaço. Com elas, você garante estilo à sua moradia e passa a ter lugares certos para guardar suas roupas, utensílios e objetos.

4. Escolha eletrodomésticos compatíveis com o seu espaço

Ao decidir quais eletrodomésticos levar para seu apartamento, busque itens pequenos e multifuncionais. Uma vez que esses elementos serão usados no dia a dia, atente-se à praticidade que oferecem às tarefas cotidianas.

Para conciliar a utilidade à economia de espaço, procure aparelhos com mais de uma função. Nessa vertente, estão as geladeiras com freezer, máquinas de lavar conjugadas à secadora, liquidificadores com função de processador, e por aí vai.

Se a sua moradia não conta com área de serviço e a cozinha é conjugada à sala, é muito importante se atentar à aparência das peças. Afinal, elas farão parte da decoração dos espaços de convívio. Por isso, capriche nas escolhas.

5. Abuse das cores claras

Assim como os espelhos, as cores claras na pintura do apartamento proporcionam a sensação de espaços amplos e iluminados. Esse efeito se deve à capacidade dos tons abertos refletirem as luzes, o que também promove impressões ligadas à leveza e harmonia.

Contudo, para escapar de visuais monocromáticos e sem graça, não se atenha ao branco puro e simples. Invista no tom sobre tom variando entre as nuances de modo a estabelecer a ideia de continuidade.

Outro jeito ótimo de quebrar a monotonia ao aplicar cores claras é usar tons mais vibrantes em uma das paredes. Dessa maneira, você estabelece contraste e afasta o risco de ter ambientes frios e monótonos.

Viu só como a decoração de apartamento pequeno tem soluções bastante simples?

Patine

É a patine que dá alma aos objetos e às pessoas. A minha casa é velha e tem patine. Já sofreu obras mas a patine mantém-se.

A falta de dinheiro tem só essa vantagem: não proporciona remodelações megalômanas e irreconhecíveis… As casas remodeladas que visitei na minha rua estão absolutamente incríveis, mas perderam a alma que a minha ainda tem.

Por aqui, a remodelação e a decoração são, por todos os motivos, processos muito lentos e que incluem reaproveitamento. Os objetos, novos e velhos, andam à procura do seu lugar… por vezes durante anos.

De tantas imagens que procuro e guardo, acredito que o brainstorming vai acontecendo e que os salões vão ganhando, muito lentamente, sentido.

Vai demorar, mas quem tem pressa?Aprendi, no Alentejo, que a calma é uma importante virtude.

É verdade que, periodicamente, fico ansiosa com o facto das divisões estarem tão evidentemente inacabadas, especialmente o meu escritório, mas sei que a impaciência é um dos meus piores defeitos.

Patine – do francês patine, do italiano patina
camada que recobre algo, velatura; coloração natural ou conjunto de resíduos 
ou depósitos que, num objecto ou num imóvel mostram a marca do tempo
e do envelhecimento.

in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa

Todas as imagens são do blog HWTF.

Fonte:  Ana Cabete
Frasco de Memórias